OLA AMIGO OU AMIGA FIBROMIÁLGICO....

VOCÊ ESTÁ ENTRANDO NO MUNDO DOS FIBROMIÁLGICOS.
SEJA BEM VINDO! WELCOME! BIEN VENIDO!
Mas antes vamos saber o que é a SÍNDROME DA FIBROMIALGIA.


O termo fibromialgia refere-se a uma condição dolorosa generalizada e crônica. É considerada uma síndrome porque engloba uma série de manifestações clínicas como dor, fadiga, indisposição, distúrbios do sono. No passado, pessoas que apresentavam dor generalizada e uma série de queixas mal definidas não eram levadas muito a sério. Por vezes problemas emocionais eram considerados como fator determinante desse quadro ou então um diagnóstico nebuloso de “fibrosite” era estabelecido. Isso porque acreditava-se que houvesse o envolvimento de um processo inflamatório muscular, daí a terminação “ite”. Atualmente sabe-se que a fibromialgia é uma forma de reumatismo associada à da sensibilidade do indivíduo frente a um estímulo doloroso. O termo reumatismo pode ser justificado pelo fato de a fibromialgia envolver músculos, tendões e ligamentos. O que não quer dizer que acarrete deformidade física ou outros tipos de seqüela. No entanto a fibromialgia pode prejudicar a qualidade de vida e o desempenho profissional, motivos que plenamente justificam que o paciente seja levado a sério em suas queixas. Como não existem exames complementares que por si só confirmem o diagnóstico, a experiência clínica do profissional que avalia o paciente com fibromialgia é fundamental para o sucesso do tratamento.
A partir da década de 80 pesquisadores do mundo inteiro têm se interessado pela fibromialgia. Vários estudos foram publicados, inclusive critérios que auxiliam no diagnóstico dessa síndrome, diferenciando-a de outras condições que acarretem dor muscular ou óssea. Esses critérios valorizam a questão da dor generalizada por um período maior que três meses e a presença de pontos dolorosos padronizados. Diferentes fatores, isolados ou combinados, podem favorecer as manifestações da fibromialgia, dentre eles doenças graves, traumas emocionais ou físicos e mudanças hormonais. Assim sendo, uma infecção, um episódio de gripe ou um acidente de carro, podem estimular o aparecimento dessa síndrome. Por outro lado, os sintomas de fibromialgia podem provocar alterações no humor e diminuição da atividade física, o que agrava a condição de dor. Pesquisas têm também procurado o papel de certos hormônios ou produtos químicos orgânicos que possam influenciar na manifestação da dor, no sono e no humor. Muito se tem estudado sobre o envolvimento na fibromialgia de hormônios e de substâncias que participam da transmissão da dor. Essas pesquisas podem resultar em um melhor entendimento dessa síndrome e portanto proporcionar um tratamento mais efetivo e até mesmo a sua prevenção.
Fonte: http://www.fibromialgia.com.br/novosite/index.php?modulo=pacientes_artigos&id_mat=4

O CID CORRETO PARA FIBROMIALGIA É
CID 10 M 79.7, desde 2004

fonte: http://www.datasus.gov.br/cid10/v2008/v2008.htm

Aqui falaremos a mesma língua....
Com todo cuidado que merece você será tratado.
E tenho certeza que você fará o mesmo pelos nossos amigos e amigas fibromiálgicos(as)


Se quiser entrar em contato conosco, você pode se utilizar do espaço já aberto aqui, em cada postagem... chamado "Comentário".
Ou ainda, você poderá enviar e-mail para o seguinte endereço:
abrafibro@gmail.com

Estamos também no Facebook: www.facebook.com/abrafibro.segundoperfil

Teremos sempre muito prazer em receber sua mensagem ou sua visita. Até lá então....
Agora,

Boa Leitura!

terça-feira, 22 de maio de 2012

ABRAFIBRO Associação Brasileira dos Fibromiálgicos

A ABRAFIBRO surgiu em 2007 no antigo ORKUT, com 8 pessoas encabeçando a equipe.
Com o tempo alguns foram se distanciando, por vários motivos, mas eles nunca serão esquecidos. Afinal, são os pais dessa Associação.
Algumas outras pessoas passaram por ela também, e estas também deixaram suas marcas.
Hoje somos 3 pessoas, e apesar de sermos poucos lutamos pelos mesmos ideais iniciais. Afinal, de lá pra cá nada mudou muito.

A ABRAFIBRO é uma Associação totalmente virtual, sem sede própria, sem escritórios, sem dinheiro, sem patrocínio, sem fundos de reserva, sem dinheiro para postar uma carta que seja, com fundo próprio. E não temos NINGUÉM autorizado a recolher, a solicitar, ou a receber fundos em nosso nome.
E assim somos desde 2007.
Por incrível que isso possa parecer, apesar de nossas limitações financeiras que sem dúvida nos prejudicam, somos capazes de alcançar mais gente, romper fronteiras e idiomas. 
É claro que como uma Associação legalmente constituída TALVEZ conseguíssemos maior apoio, mais visibilidade, maior representatividade. Porém, durante todos esses anos não sentimos que isso nos impediu de continuar a batalha de todos os dias, de vencer nossas próprias dores, de levar um pouco de alento, de encontrar muitas vezes soluções para problemas que pareciam simples para nós mas não para quem o tinha. Não nos impediu de continuar a batalha de todos os dias para nos tornarmos visíveis à sociedade civil e médica, aos profissionais da área de saúde, e principalmente para o governo. Não importa se temos uma sede, um estatuto, um presidente, um vice-presidente e assim por diante, mas sim que possamos conquistar mais e mais fibromiálgicos para dispensarem uns minutinhos de seu tempo em causa própria e de seus pares.

Nossas forças são poucas, nossa memória é sofrível, nossas dores ... essas nem preciso descrever para quem já as sente... porém, juntos somos mais fortes.
São tantas as nossas necessidades!

Nossa síndrome é nova para a sociedade médica e nova para muitas pessoas e famílias.
Muitos antes de chegarem até aqui já cruzaram várias portas de consultórios em busca de um diagnóstico e o fim de suas dores. Já perderam muitas coisas importantes na vida. 

Para você que chegou até aqui, saiba que não foi a única pessoa que não encontrou solução de imediato para suas dores, seus sintomas, e tudo mais que sente. Infelizmente existem muitas histórias parecidas com a sua.
Sabia que você agora encontrou um montão de gente que como você, têm histórias pra contar. Alguns até por situações tragi-cômicas... que nem merecem ser citadas.
Isso não importa agora! A história de ninguém é maior ou melhor. Todas foram vividas e sentidas.

Não prometemos milagres, ou sua cura, ou sempre uma palavrinha amiga, sempre compreender sua história ou situação. Nós não somos perfeitos! Nós somos humanos e erramos!
Porém, o que podemos prometer é que sempre, o que fizemos, o que fazemos ou o que façamos é no intuito de acertar, de buscar o melhor, de encontrar saídas, de ganharmos visibilidade, respeito, dignidade, saúde e qualidade de vida.
Como diz o velho ditado: "Uma andorinha só não faz verão!" Pois é, conosco não é diferente!

Toda formiguinha que entrar para nos ajudar, é de forma voluntária, sem qualquer remuneração monetária. Mas com certeza você receberá a satisfação pessoal ao ver seu trabalho dando certo e colhendo frutos. É isso que sentimos! É isso que recebemos!

Nossa guerra é enorme, uma batalha por dia, vitórias e derrotas a serem vividas. 

A ABRAFIBRO é constituída por pessoas fibromiálgicas.

A ABRAFIBRO é feita de gente como você.
Pensando bem, se ela fosse legalmente constituída seria uma Pessoa Jurídica apenas e tão somente. Mas não é! Ela é o nome que encontramos para um grupo de fibromiálgicos que quer mudar o cenário atual, cenário que trás tanta dor na alma, fazer que nos vejam como somos e o que precisamos.


Bom, agora você pode entender um pouco quem somos nós.
Nós somos você também! Só estamos aqui para te esperar, e te ajudar a se juntar a nós.
Para isso não é preciso nada de especial. 
Você só precisa se integrar ao nosso grupo no Facebook.
www.facebook.com/groups/abrafibro

Ninguém te cobrará um décimo de centavo se quer.
Eventualmente, se houver necessidade e for conveniente nosso comparecimento a algum evento especial, é que contamos com a colaboração voluntária dos membros do grupo, para custear nossos gastos. Posteriormente sempre fazemos a prestação de contas com todos os que contribuíram. Nada mais.

Ah! Você se integrando ao grupo, terá a oportunidade de conversar de modo interativo com outros fibromiálgicos do Brasil e do mundo. Saiba que dividindo experiências, desabafando, dando carinho, colo, recebendo e dando orientações e informações... a carga fica mais leve para continuar a batalha diária pela vida.

Nossa dores e sintomas não são visíveis em qualquer tipo de exame, mas nós sabemos que ela está ali, e muitas vezes pode devastar uma família, vidas.
Saiba que entendemos tudo isso!
Esse é um ponto crucial para o tratamento eficaz. 
Traga essas pessoas junto com você. Elas terão a oportunidade de conhecer mais pessoas como você. Isso tem ajudado muito outras famílias e amigos. Estamos todos juntos nessa!
Sabemos que somos especiais!

Muitas vezes pensamos que se alguém sentisse o que sentimos, não aguentaria e faria muitas besteiras. Mas nós não! Nós a suportamos dia após dia. Alguns dias menos, outros dias mais.
Nossos problemas não são maiores que o de ninguém. Porque só quem sente e vive é que sabe o tamanho da carga que carrega.
Assim, ninguém merece mais ou menos atenção ou carinho. Todos somos iguais!

Vamos então juntar forças? Será que tá tudo bem pra você? 
Ainda que esteja, que você não necessite do sistema; saiba que você é uma grande minoria. A maioria não tem medicamentos ou tratamentos necessários para ter o mínimo de qualidade de vida aceitável. Não menospreze a situação dos menos afortunados! Ajude-nos também.
Cada pessoa que entra nessa guerra é muito importante.

Agora você consegue entender melhor nossa filosofia, nossas ideias, e o que você precisa fazer para se juntar a nós.

A ABRAFIBRO somos todos nós!

Lembre-se sempre disso: 
"A dor pode ser invisível, mas nós não!"



Postar um comentário

Títulos HTML/JAVASCRIPT

Validando

Share It

Loading...

NOTÍCIAS NO BRASIL E NO MUNDO QUE ENVOLVAM CADA PALAVRA ABAIXO:

Loading...

PRINCIPAIS NOTÍCIAS

Loading...